terça-feira, novembro 21, 2017
Breaking News
Home » ITIL » ITIL – Resumo de Gerenciamento de continuidade de serviço de TI

ITIL – Resumo de Gerenciamento de continuidade de serviço de TI

Vamos para mais um artigo sobre ITIL. Lembrando que nossos artigos têm apenas a finalidade de resumo ou de guia de estudos. Caso deseje estudar para a prova, recomendamos o uso de materiais oficiais e cursos credenciados.

Gerenciamento de continuidade de serviço de TI

Este pode ser um assunto extremamente complexo quando se trata de sua aplicação, mas igualmente necessário para manter o recurso funcionando. A continuidade de serviço de TI é responsável pela habilidade de recuperação necessária para os serviços de TI e seus componentes de apoio em um evento de desastre. Dentre estes eventos temos:

  • Incêndios
  • Enchentes
  • Terrorismos
  • Tempestades
  • Vandalismos
  • Blackouts e apagões

Como o processo de disponibilidade foca na operação normal do negócio, cabe ao gerenciamento de continuidade de serviço de TI se preocupar com desastres. Este processo auxilia na introdução de medidas de redução de riscos e opções para a recuperação dos serviços.

Seu propósito:

  • Apoiar o processo de continuidade do negócio
  • Gerenciar riscos que podem afetar seriamente os serviços de TI
  • Garantir a provisão no mínimo SLA.

Suas Definições:

  • Definir e manter planos de continuidade de serviços de TI
  • Realizar regularmente análise de impacto
  • Análise de gerenciamento de riscos
  • Orientar as outras áreas sobre continuidade e recuperação dos serviços de TI
  • Assegurar a implantação dos mecanismos adequados
  • Avaliar o impacto de todas as mudanças nos planos de continuidade de serviços de TI
  • manutenção contínua nos planos

Análise de impacto:

Ao criar um modelo de análise de impacto, devemos levar em conta:

  • Serviços críticos do negócio de TI
  • Impactos causados pela indisponibilidade
  • Cenários de impacto
  • Obrigações da empresa perante a lei vigente
  • Tempo em que a empresa aguentaria sem os serviços e TI
  • Requisitos para recuperação
  • Determinar o tempo mínimo e máximo dos níveis de serviços a serem recuperados
  • Definir quais processos de negócio devem ser recuperados por completo

Análise de riscos:

  • Para determinar os requisitos de continuidade é importante ter um entendimento da probabilidade que um evento de desastre ou outra interrupção maior no serviço poderá de fato ocorrer. Isto é feito por meio de uma avaliação de riscos.
  • A avaliação determina as ameaças e o quanto a organização está vulnerável à elas
  • A Avaliação também pode ser usada em outros processos como gerenciamento de disponibilidade e gerenciamento de segurança da informação

AMEAÇAS: incêndios, falta de energia, etc

VULNERABILIDADES: ponto fraco que pode ser explorado pela falha

riscos

 

Sobre Diego Duarte

Diego Duarte Atua como coordenador de NOC, toca um violãozinho nas horas vagas e tenta eternamente entender o que o fez escolher TI

Veja também!

Exin Certified Integrator Secure Cloud Services

O que é o EXIN Certified Integrator Secure Cloud Services? É um título que comprova …

Este artigo lhe foi útil? comente e ajude outros acrescentando seu ponto de vista!